Pobreza é mais grave em famílias com crianças

pobreza

Um mecânico de 43 anos foi preso ao se vestir de mulher para fazer uma prova prática do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) no lugar da mãe. O suspeito usava saia longa e estava maquiado no momento da prisão.

O crime de falsidade ideológica aconteceu na terça-feira (10), em Nova Mutum Paraná, em Porto Velho. De acordo com a Polícia Militar, uma integrante da comissão examinadora do Detran desconfiou que o homem que fazia a prova não era a mesma pessoa do documento de identidade apresentado aos avaliadores.

O homem já estava fazendo a prova de baliza quando outro servidor chamou a Polícia Militar para abordar o suspeito. Ao chegar ao local da prova, a equipe constatou que o homem tentava se passar pela mãe.

Ele disse aos policiais que a mãe estava em outra cidade e não sabia da tentativa dele de se passar por ela no exame de direção. O mecânico foi preso em flagrante pelos crimes de estelionato e falsidade ideológica.

Fonte: Agência Brasil/ Odestaque

Homem vestido de mulher é preso ao tentar fazer prova do Detran no lugar da mãe

hgiusdhfs65f6Um mecânico de 43 anos foi preso ao se vestir de mulher para fazer uma prova prática do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) no lugar da mãe. O suspeito usava saia longa e estava maquiado no momento da prisão.
O crime de falsidade ideológica aconteceu na terça-feira (10), em Nova Mutum Paraná, em Porto Velho. De acordo com a Polícia Militar, uma integrante da comissão examinadora do Detran desconfiou que o homem que fazia a prova não era a mesma pessoa do documento de identidade apresentado aos avaliadores.
O homem já estava fazendo a prova de baliza quando outro servidor chamou a Polícia Militar para abordar o suspeito. Ao chegar ao local da prova, a equipe constatou que o homem tentava se passar pela mãe.
Ele disse aos policiais que a mãe estava em outra cidade e não sabia da tentativa dele de se passar por ela no exame de direção. O mecânico foi preso em flagrante pelos crimes de estelionato e falsidade ideológica.
Fonte:  G1.

Moradores do Bairro Vila Dulce comemoram a autorização para a construção de mais uma Creche, em Barreiras  

DSC_0477

DSC_0533

DSC_0629

Capa (1)

Desde 2017, a Prefeitura de Barreiras vem modificando a estrutura da educação no município com obras que vão da requalificação à reforma de escolas, construção de novas unidades, construção de quadras poliesportivas na cidade e no campo, e especialmente a edificação de novas creches. Na noite dessa terça-feira (11), foi a vez da população do Bairro Vila Dulce comemorar a autorização da ordem de serviço para a construção de mais uma creche. A Rua Quintino Bocaiúva ficou lotada de famílias para receber o prefeito Zito Barbosa, que estava acompanhado da primeira-dama Marisete Bastos, da vice-prefeita Karlúcia Macêdo e do presidente da Câmara de Vereadores Eurico Queiroz, certificando assim, que a educação é prioridade na Capital do Oeste.

A obra que também beneficiará os moradores dos bairros Vila Brasil, Recanto do Rio, Conjunto Habitacional Rio Grande e Morada Nova, faz parte do Programa Desenvolve Barreiras através do Projeto Educa Barreiras. Serão cerca de 1.118 mil metros quadrados de área construída, com a capacidade para atender mais de 200 crianças. A creche oferecerá espaço educativo, sala de leitura, laboratório de informática, anfiteatro, pátio para diversão e refeitório.

“Hoje é um dos dias mais esperados de minha vida, com certeza a melhor notícia de natal. A construção de uma creche e também de uma escola é um sonho de muitas famílias dessa comunidade, que assim como eu, precisam trabalhar e deixar nossos filhos em um ambiente seguro, com profissionais que também os auxiliarão no desenvolvimento escolar. Estamos realmente muito felizes”, relatou a moradora Íris Souza. (mais…)

Acidente na BR 242 deixa três pessoas mortas

4fb989c1-4e95-4e26-aee6-6f0538266be5

Brasília-01

7cd1fc4c-b781-4b94-9773-b3d6dabd43ea

Uma colisão envolvendo uma carreta e um Fiat Touro, na BR 242, na serra do “Quente/Frio”, deixou três pessoas mortas e duas feridas na manhã de sábado (7). Morreram os ocupantes do veículo de menor porte, o motorista, Luiz Carlos Tavares, 57 anos e passageiros, Rejane de Alencar Domingos Nascimento, 39 anos e seu filho, Jonas Alencar do Nascimento, 04 anos.

De acordo com informações policiais, as vítimas moravam no setor “P/Sul, Ceilândia, Distrito Federal e estavam viajando para Fortaleza/CE, onde Luiz Carlos pretendia visitar sua mãe, que se encontra doente.
Suspeita-se que o motorista do Fiat tenha dormido ao volante e colidiu frontalmente com a carreta no sentido oposto.

O Toro ficou tombado na pista de rolamento e provocou extenso congestionamento nos dois sentidos da rodovia.

Fonte: Alô Alô Salomão

Barreiras desponta no setor de energia e recebe investimento milionário  

Capa

DSC_0371

DSC_0373

DSC_0420

DSC_0354

As condições climáticas e geográficas de Barreiras tem atraído cada vez mais investidores do setor de produção e transmissão de energia. Na manhã dessa terça-feira (10), a empresa Paranaíba Transmissora de Energia S.A inaugurou o reforço da Subestação Barreiras II, com a presença do prefeito Zito Barbosa, da primeira-dama Marisete Bastos e representantes da gestão municipal.

Após uma apresentação geral sobre o processo de chegada e implantação do empreendimento, os presentes puderam conhecer a estrutura e o funcionamento da principal base de operações na cidade. Com isto, a subestação ganha suporte para atender mais três empresas que também investirão em linhas de transmissão de energia. Só o trecho da linha entre Barreiras, São Desidério e Correntina possui 244 km de extensão. “Nós investimos algo em torno de 1 bilhão e 200 milhões, deste valor 200 milhões em Barreiras. Para entender a dimensão das linhas, o nosso Lote Sul segue Barreiras, Rio das Éguas, Luziânia e Pirapora, e o projeto está ligado à Usina de Belo Monte”, explicou o diretor técnico João Batista Guimarães.

A Instalação do Parque Sertão Solar, nas proximidades do Aeroporto de Barreiras, o reforço da Subestação Barreiras II e a chegada de mais três empresas do segmento (Equatorial, Neoenergia e São Pedro Transmissora) confirmam não só potencial do município, mas também o momento favorável para investimentos.

Também participaram da inauguração, o vereador Alcione Rodrigues, secretário e o subsecretário de indústria, comércio e serviços, Carlos Costa e Roberto de Carvalho respectivamente, e a chefe de gabinete Marileide Carvalho. A previsão é de que 400 trabalhadores atuem na rotina de funcionamento do empreendimento em Barreiras por cerca de 30 anos, na fase de construção foram mais de 2.000 empregos gerados.

“Barreiras e região oeste tem uma demanda muito grande por energia. Os investimentos no agronegócio e na agricultura irrigada de um modo geral exigem um aporte grande de energia, uma demanda reprimida que passa a ser superada com os benefícios dos leilões que agora chegam à Subestação Barreiras II, esperamos que esta demanda seja atendida e a nossa cidade crescerá ainda mais nos próximos anos”, destacou o prefeito Zito Barbosa.

Dircom Barreiras

No Senado, CCJ aprova pacote anticrime e prisão em segunda instância

Na última penúltima semana de trabalho antes do recesso parlamentar, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, nesta terça-feira (10), em votação simbólica, o parecer do senador Marcos do Val (Cidadania-ES) ao pacote anticrime do ministro da Justiça, Sergio Moro.

Após acordo costurado nos últimos dias pela presidente do colegiado, senadora Simone Tebet (MDB-MS), o texto foi aprovado sem alterações, ou seja, na mesma forma que chegou da Câmara dos Deputados, na semana passada. Agora, a matéria segue para análise do plenário da Casa, o que pode ocorrer entre hoje e amanhã.

Segunda Instância

Outra medida importante, aprovada hoje na CCJ, com 22 votos favoráveis e apenas um contrário, é o projeto de lei do Senado (PLS166/18), que possibilita a prisão após decisão em segunda instância.

A votação foi comemorada por senadores de vários partidos e causou reviravolta na discussão do tema. É que, após reunião com líderes das duas Casas, no último dia 26, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), chegou a anunciar acordo no qual os senadores desistiriam de tratar do assunto por projeto de lei, para apoiar proposta de emenda à Constituição sobre o mesmo assunto, que está em discussão na Câmara dos Deputados. O suposto acordo foi alvo de muitas críticas, até que um grupo de 43 dos 81 senadores apresentou um manifesto à presidente da CCJ, pedindo que o tema fosse pautado.

A CCj do Senado se reúne para votar o projeto de lei (PLS 166/2018) que altera o Código de Processo Penal para disciplinar a prisão após a condenação em segunda instância
CCJ do Senado se reúne para votar projeto de lei que altera o Código de Processo Penal e disciplina prisão após condenação em segunda instância – Marcelo Camargo/Agência Brasil

O texto, de autoria do senador Lasier Martins (Podemos-RS), recebeu parecer favorável da relatora, senadora Juíza Selma (Podemos-MT), na forma de substitutivo. A proposta, que altera o Código de Processo Penal (CPP – DL 3.689, de 1941), foi elaborada após articulação entre alguns senadores e o ministro da Justiça, Sergio Moro.

Atualmente, o artigo 283 do CPP determina que que “ninguém poderá ser preso senão em flagrante delito ou por ordem escrita e fundamentada da autoridade judiciária competente, em decorrência de sentença condenatória transitada em julgado ou, no curso da investigação ou do processo, em virtude de prisão temporária ou prisão preventiva”.

Na versão apresentada e aprovada na CCJ, a prisão poderia ocorrer “em decorrência de condenação criminal por órgão colegiado”.

O projeto também altera a redação de outros trechos do Código de Processo Penal, para permitir que o tribunal determine execução provisória de penas privativas de liberdade sem prejuízo do conhecimento de recursos que venham a ser apresentados. Na prática, isso abre a possibilidade para a prisão após condenação em segunda instância.

Como foi aprovado um sustitutivo, o texto ainda precisará passar por mais um turno de votação na Comissão de Constituição e Justiça. A votação já foi pautada como primeiro item da reunião do colegiado desta quarta-feira (11). Como tramita em caráter terminativo, se aprovado na CCJ e não houver recurso para o plenário, a matéria será encaminhada direto para a análise da Câmara dos Deputados.

PEC Emergencial

Os senadores avançaram ainda na leitura da PEC Emergencial (186/2019) que foi seguida de aprovação de duas audiências pública – ainda sem data definida – para instruir os senadores sobre o assunto. O texto é parte do Plano Mais Brasil – um pacote de medidas do governo para cortar gastos e garantir equilíbrio fiscal, com objetivo de promover crescimento econômico.

No caso da PEC, o objetivo é a contenção das despesas obrigatórias para todos os níveis de governo, de forma a viabilizar o gradual ajuste fiscal.

A proposta prevê gatilhos, em caso de situação fiscal grave, e uma série de medidas para conter os gastos públicos.

O relator da matéria, senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR), apresentou um substitutivo para promover “diversos ajustes de redação e de técnica legislativa em seus dispositivos, bem como operar algumas mudanças pontuais em seu conteúdo”. Alguns artigos foram juntados, outros desdobrados e outros renumerados, para dar mais clareza ao texto.

Fonte: Agência Brasil

CRAM encerra Campanha de Ativismo pelo fim da violência contra as mulheres com orientações no trânsito de Barreiras

0223

224O Dia Internacional dos Direitos Humanos, comemorado nessa terça-feira (10), foi marcado com o encerramento da Campanha de Ativismo pelo fim da violência contra as mulheres em Barreiras. A ação coordenada pela Secretaria Municipal de Assistência Social, através do Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM), chamou atenção de quem passava pelo trânsito na Avenida Benedita Silveira. Mensagens de alerta e frases impactantes mostraram que é necessário o fim da violência contra a mulher.

226

225A mobilização contra a violência doméstica e familiar contou com a participação dos Centros de Referências de Assistência Social (I, II, III e IV), da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM), Ronda Maria da Penha, Defensoria Pública e da vereadora Silma Alves. A barreirense Iris Maria conta que já teve amigas vítimas de violência doméstica e acredita que as mulheres precisam desses incentivos para denunciar. “Essa ação é muito importante, abri os olhos sobre os direitos garantidos em Lei e incentiva as mulheres vítimas de violência a denunciarem. Conheço mulheres vítimas de violência doméstica e às vezes continuam sendo agredidas porque não conseguem ou não tem coragem de denunciar, então, essas ações podem encorajá-las”, disse.227

228

229

2210

De acordo com Fabíola Bomfim, coordenadora do CRAM, mais de mil mulheres já procuraram atendimentos e orientações somente nesse ano. “Essa ação realizada especialmente nesse dia em que comemoramos também o Dia Internacional dos Direitos Humanos, busca mobilizar à população pelo fim da violência contra a mulher. Foram 21 dias de Ativismo em Barreiras, essa é uma temática importante e é preciso reforçar a importância de denunciar casos de violência doméstica, na perspectiva de diminuir o índice de feminicídios em nosso País. Temos no CRAM, todo o suporte para a mulher sair da condição de violência e o acolhimento é realizado semanalmente com atendimento social, psicológico e jurídico”, destacou.

            O CRAM atende mulheres, a partir de 18 anos, em situação de violência doméstica ou familiar de segunda a sexta-feira, das 08h às 12h e das 14h às 18h, na Rua Profª Guiomar Porto, Centro. A população pode denunciar casos de agressão ligando no 180, a ligação é gratuita e não é preciso se identificar.

Fonte: Dircom PMB

Operação investiga repasses que teriam beneficiado filho de Lula

uhfohfof324sFoto o Globo

Deflagrada hoje (10), a Operação Mapa da Mina, desdobramento da Lava Jato, visa averiguar repasses que teriam beneficiado o empresário Fábio Luis Lula da Silva, filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo o Ministério Público Federal (MPF), o grupo Oi/Telemar transferiu mais de R$ 132 milhões ao conglomerado Gamecorp/Gol, gerido por Fábio, além de Fernando Bittar, Kalil Bittar e Jonas Suassuna. Os pagamentos teriam sido feitos entre 2004 e 2016.

As investigações indicam que o ex-presidente beneficiou o grupo Oi/Telemar, garantindo, por meio de atos de sua competência, que fechasse uma negociação de seu interesse. De acordo com o MPF, Lula teria editado o Decreto nº 6.654/2008 para tornar viável, à concessionária de telecomunicações, a aquisição da Brasil Telecom.

Em entrevista à imprensa, membros da força-tarefa da Operação Lava Jato acrescentaram que o ex-ministro José Dirceu teria praticado tráfico de influência em favor da Oi/Telemar. Ele foi titular da Casa Civil durante o governo Lula.

Segundo o procurador do MPF Roberson Pozzebon, as provas que subsidiam as investigações da Operação Mapa da Mina foram reunidas ao longo de, pelo menos, três fases anteriores da Lava Jato. Os rastros dos supostos crimes contemplam registros telefônicos, transações bancárias obtidas mediante quebra de sigilo bancário e dados armazenados em ambiente online, em formato de nuvem.

A operação totaliza 47 mandados de busca e apreensão nos estados de São Paulo, do Rio de Janeiro, da Bahia e no Distrito Federal. Segundo nota do MPF,  “também são cumpridos mandados de busca e apreensão com a finalidade de apurar indícios de irregularidades no relacionamento entre o grupo Gamecorp/Gol com a Vivo/Telefônica, especificamente no que diz respeito ao projeto que foi denominado como Nuvem de Livros”.

“Foi apurada movimentação da ordem de R$ 40 milhões entre a Movile Internet Móvel e a Editora Gol, no período de 15/01/2014 a 18/01/2016”, informa a nota.

Balanço da Lava Jato

O procurador Roberson Pozzebon afirmou que a força-tarefa não tem desacelerado o ritmo este ano, e que caminha no sentido “oposto do apagar das luzes”. “Se for analisar 2019, foi o ano em que foram propostas mais denúncias. Foram propostas 27, 29 denúncias, este ano”, disse, destacando que as pistas resultaram em 12 ações e que, ao todo, mais de R$ 4 bilhões foram recuperados.

“É disruptivo o que está acontecendo. A Lava Jato ainda tem muito trabalho a fazer”, afirmou. “A operação caminha e caminha bem, sem pressa, de acordo com a coleta das provas e a maturidade das operações” observou.

Defesa

Em nota, a Oi/Telemar destacou que “atua de forma transparente e tem prestado todas as informações e esclarecimentos que vêm sendo solicitados pelas autoridades, assegurando total e plena colaboração com as autoridades competentes”.

Por meio da assessoria de imprensa, a Vivo/Telefônica disse que “a empresa está fornecendo todas as informações solicitadas e continuará contribuindo com as autoridades”. “A Telefônica reitera seu compromisso com elevados padrões éticos de conduta em toda sua gestão e procedimentos.”

Agência Brasil tentou estabelecer contato, por telefone, com os sócios do grupo Gamecorp/Gol, a fim de obter um posicionamento quanto às acusações.

Em nota, o Grupo Movile informou que preza pela transparência em sua atuação. A empresa diz ainda que não é o alvo principal da investigação e que trabalha em “total colaboração” com as autoridades.

Advogados de Lula e José Dirceu se manifestam

Os advogados de Lula distribuíram nota afirmando que as referências feitas ao nome do ex-presidente pela força-tarefa da Lava Jato “são totalmente descabidas e refletem a atuação parcial de seus membros”. Segundo a defesa, o tema que serviu de base para essas referências “já foi objeto de ampla investigação realizada pela Polícia Federal de São Paulo, que foi concluída em 16 de abril de 2012, com a elaboração de relatório de arquivamento”, sem identificar a prática de qualquer crime.

A defesa lembra ainda que o assunto foi objeto de apuração em inquérito civil público, também arquivado pelo Ministério Público Federal em Brasília. “Ou seja, os órgãos do Estado competentes para promover a análise e a investigação do assunto já atuaram e concluíram de longa data que Lula e seus familiares não cometeram qualquer ato ilícito”, diz a nota.

Os advogados do ex-ministro José Dirceu encaminharam nota argumentando que, em relação ao ex-ministro, “todos seus recebíveis já foram objeto de investigações”. “É mais do mesmo” finaliza o texto.

Fonte: Agência Brasil

1ª Mostra de Talentos + que Especiais apresenta arte e sensibilidade dos alunos da educação especial, em Barreiras

Capa

DSC_1039

DSC_1051

DSC_1054

DSC_1069

DSC_1088

DSC_1108O Palácio das Artes recebe durante os dias 10 e 11, a exposição do projeto “Arte transpondo limite: o desafio de incluir” e a 1ª Mostra de “Talentos + que Especiais”, promovido pela Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer através da Subdiretoria Municipal de Acessibilidade e Inclusão. Ao todo, 35 escolas municipais da sede e do campo participam do evento que envolve aproximadamente 300 alunos atendidos pela Sala de Recursos Multifuncionais da Educação Especial.

 Sentimentos em formas e cores, pinturas, esculturas e expressões artísticas são algumas das formas que crianças e adolescentes com deficiência encontraram para transmitir a mensagem das experiências e vivências que permitem liberar a criatividade. Ao lado da mãe Mônica Santos, a aluna do 5º ano, Raissa Cristina de 14 anos sorria o tempo todo e mostrava seu quadro com multicolagens. “Estou muito feliz em acompanhar a evolução de minha filha, que já reconhece as cores, formas e objetos. Agora, o próximo passo será ensinar a cozinhar”, disse Mônica.

Na abertura nessa manhã de terça-feira, 10, a secretária de educação Cátia Alencar, os pais, estudantes das escolas municipais e particulares compareceram para prestigiar. Conversando com o aluno Gabriel Lima da Paz, da Escola Municipal Luiz Viana, a secretária Cátia elogiou as produções e o empenho dos professores do Atendimento Educacional Especializado-AEE.

“Tudo preparado com muito carinho e dedicação dos alunos, monitores e professores das salas de recursos multifuncionais. Esse projeto tem como foco o incentivo à socialização, espírito colaborativo, integração e boa convivência, além disso, a participação dos alunos com deficiência, transtornos e altas habilidades/superdotação é fundamental para o desenvolvimento cognitivo, motor e afetivo, por meio da arte”, ressaltou a secretária Cátia.

A subdiretora da Acessibilidade e Inclusão, Eliene Fernandes convidou a população para conferir os trabalhos e enfocou os benefícios para os alunos com o projeto. “Estaremos aqui nesta terça e quarta-feira, 10 e 11, com todos nossos alunos e a presença das 35 escolas que participaram da construção desse projeto, que envolve a sensibilidade, expressão e afetividade. Convidamos a população para prestigiar os trabalhos e ganhar uma nova perspectiva do mundo, porque temos sim, artistas mais que especiais nas escolas municipais”, finalizou.

Fonte: Dircom

Caixa começa a pagar hoje décimo terceiro do Bolsa Família

bolsa-familia-itaberaba
Os beneficiários do Bolsa Família começarão a receber nesta terça-feira (10) o abono natalino, equivalente ao décimo terceiro do benefício. Instituído pela Medida Provisória 898, editada em outubro, o abono consiste no benefício pago em dobro em dezembro.

Segundo a Caixa Econômica Federal, que administra os pagamentos, 13,1 milhões de famílias estão sendo atendidas pelo Bolsa Família em dezembro. Neste mês, o governo desembolsará R$ 2,5 bilhões com o pagamento do benefício deste mês, mais R$ 2,5 bilhões com o décimo terceiro.

O benefício extra será pago com o mesmo cartão, nas mesmas datas e por meio dos mesmos canais pelos quais os beneficiários recebem as parcelas regulares do Bolsa Família. Os beneficiários que recebem por meio de crédito em conta poupança ou na conta Caixa Fácil terão o valor do abono natalino creditado nas mesmas contas.

O calendário de pagamentos seguirá o dígito final do Número de Inscrição Social (NIS) do responsável familiar apresentado no cartão do programa.

Beneficiários com o final 1 serão pagos nesta terça-feira. O cronograma segue com o pagamento aos beneficiários com final 2 na quarta (11); final 3, dia 12; final 4, dia 13; final 5, dia 16; final 6, dia 17; final 7, dia 18; final 8, dia 19; final 9, dia 20, e final 0, dia 23.

Fonte: Agência Brasil