Supermercado Redenção

O cliente encontra tudo em um só lugar, produtos alimentícios, produtos de limpeza e um completo açougue com os melhores cortes de carnes bovinas, suínas, frios e congelados.
Frutas e verduras com ótimos preços, venham conferir!
Não deixe de economizar Supermercado Redenção agradece a sua preferência.

zzz

Jaidi-07

Jaidi Supermercado-26

Jaidi-04

Jaidi-06

zzz

Venham conferir! Supermercado Redenção, Rua Amazonas Centro de Roda Velha. Fone: 3684-2324

Fonte: Publicidade

Bebê é encontrado morto dentro de casa na Bahia e polícia investiga; suspeita é de asfixia

fbc1b467-89a9-46f3-a459-59ef954b4a2e

thumbnail-whatsapp-image-2019-12-17-at-06.47.13-3-

Um bebê foi encontrado morto em Luís Eduardo Magalhães, na região oeste da Bahia, na noite de segunda-feira (16). Conforme Leonardo de Almeida Mendes Júnior, delegado titular da cidade, apesar da criança apresentar marcas de violência, a suspeita é de que a morte tenha ocorrido por asfixia.

Segundo o delegado, a morte da criança ocorreu em casa, na Rua Santa Cruz. Ao perceber que a criança estava sem os sinais vitais, a mãe, que tem cerca de 30 anos, chamou atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

“Nós tomamos ciência do caso por uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu). Eles não prestaram atendimento, mas acionaram a gente já informando do óbito. Os policias então foram até o local e levaram o corpo para a UPA”.

Ainda de acordo com o delegado, as marcas de violência na criança foram constatadas pelo médico de plantão da unidade.

“Até então, entendíamos que é era uma morte natural, porque não aparentava sinais de morte violenta. Mas, já na UPA, depois de tirar as vestimentas do bebê, o médico identificou as marcas. Tinha ferimentos na região do pescoço, além de sangramento na narina”, disse o delegado, que informou ainda que o corpo da criança foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

O delegado disse também que aguarda a versão oficial do laudo pelo DPT para entender as causas da morte. Até esta quarta-feira (18), ninguém da família havia sido ouvido pela polícia. Os depoimentos devem ocorrer ao longo da semana.

Fonte: Odestaque/ G1

Prefeitura de São Desidério realiza semifinal do Campeonato Municipal de Futebol neste sábado, 21 a partir das 17 horas

IMG-20191218-WA0011

A Prefeitura de São Desidério por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer (SECULT) realizará neste sábado, 21 a partir das 17 horas no Estádio Municipal Ocival Rodrigues de Souza a semifinal do Campeonato Municipal de Futebol.

A disputa será entre as equipes Sítio Grande X São Desidério Futebol Clube e em seguida Arsenal X Independente Sport Clube. O Campeonato teve início no dia 1º de novembro com participação de 10 equipes.

Ascom São Desidério

Eleita nova presidência da Aprosem

Idone (8)

A Associação dos Produtores de Sementes dos Estados do Matopiba – APROSEM, única entidade representativa do setor nos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, elegeu em novembro de 2019, como presidente da casa para o biênio 2020/21, o representante do Maranhão, Idone Grolli, e como vice-presidente, Celito Missio, representando a Bahia.

Celito esteve à frente da Aprosem por três mandados, incluindo o último biênio. Produtor rural e diretor presidente da Oilema, empresa familiar que trabalha com tecnologia de sementes de soja, sempre esteve envolvido diretamente em diversas entidades representativas do setor na região.

“Estamos trabalhando em prol dos produtores de sementes do Matopiba e a cada dia a Aprosem vem se consolidando e se firmando como uma associação que desenvolve trabalhos de promoção e fortalecimento do setor. Nossa diretoria buscou trazer os associados para perto e valorizar o capital humano das empresas, através de capacitações, na busca constante por melhoramentos”, disse.

A frente da Aprosem, a partir de janeiro de 2020, o presidente eleito, Idone Grolli, chegou a região Oeste da Bahia em 1987, vindo do Rio Grande do Sul para trabalhar na antiga Ceval Alimentos, atual Bunge. Há mais de 30 anos na região, atualmente vive no estado do Maranhão, onde é diretor presidente da Sementes Cajueiro, diretor da Fundação de Apoio à Pesquisa do Corredor de Exportação Norte – FAPCEN e membro da FT Sementes. (mais…)

Plantão na DP: Filho é preso ao agredir a mãe, roubo a transporte, prisão por furto e golpe via WhatsApp

bee29df7-5e6e-4ba7-8005-0c5ac354b77c

Na Delegacia de Polícia (DP) de Barreiras/BA, Nadson dos Santos Ferreira informou ter caído em um golpe ao realizar compra de uma motocicleta marca/modelo HONDA/POP 110, por meio do WhatsApp e registrou queixa/crime nesta segunda-feira (16). Relata que, após solicitar foto do suposto vendedor com a moto, fez três depósitos em contas bancárias para pagar o veículo, em nomes de: Anderson de Goes Moraes, Alexandra N.S. Cardoso e Ananda Evekyn Araújo Silva, totalizando o valor R$ 2.450,00 (dois mil e quatrocentos e cinquenta reais). Depois que o dinheiro caiu na conta o suposto golpista bloqueou Nadson no WhatsApp, desonrando o compromisso. O caso está registrado no complexo policial de Barreiras para devidas providências.

2º caso

Na noite de ontem (16), por volta das 20h50, ocorreu assalto a transporte coletivo no bairro residencial São Francisco, em Barreiras/BA. O caso foi registrado na delegacia do bairro Aratu pela cobradora, Ieda Ribeiro Dias, da empresa Viação Cidade de Barreiras (VCB), carro numero 26, linha 20. A funcionária declara que foi surpreendida por dois adolescentes, altos, magros, um deles tem rosto fino e outro usava uma mascara de cor preta, os quais adentraram pela porta dianteira. O mascarado, segundo ela, apontou um revólver em direção ao motorista e em voz alta pronunciou o seguinte: “perdeu, perdeu”. Seu comparsa saqueou do caixa a importância de R$ 150,00 (cento e cinqüenta reais).

3º Caso

Foi apresentado na delegacia de Barreiras por uma guarnição da Polícia Militar, integrante da CIPM/86, por volta das 15h30 dessa segunda-feira (16), Juceny Guimarães Ribeiro, acusado de agredir fisicamente sua genitora. O fato ocorreu na Rua Alagoinhas, Bairro São João Batista, Santa Rita de Cássia, BA. A alega que foi agarrada pela cintura e arremessada ao ‘chão’, ao tentar defender sua mãe, avó do agressor, que apresentava-se transtornado ameaçando todos os membros da família.

O delegado Erick Otaviano Torres informa que o acusado vai responder criminalmente por injúria, ameaças e agressão contra a mulher.

O delegado ainda cita que, a mãe se queixa de fortes dores e diz que foi ameaçada para não denanciá-lo. “O caso dele não cabe fiança e nos gera revolta. Não dá pra imaginar esse tipo de atitude contra uma mãe”, destacou o delegado.

4º Caso

Por volta das 13h30 de ontem (16), a Polícia Militar prendeu Edionei Lima da Rocha, com um simulacro de pistola, uma furadeira, uma lixadeira, sendo produtos com origem de furto. O furto, segundo informação registrada na delegacia, ocorreu na madrugada, no interior da empresa Oficina Metal Aço, situada no Bairro São Gonçalves, na cidade Mansidão/Ba.

Fonte: Odestaque/Alô Alô Salomão

Recesso do judiciário: TRE-BA suspende atendimento a partir desta sexta (20/12)

unnamed (1)Interrupção do atendimento em todo o Judiciário é prevista pela Lei n.º 5.010/66; atividades serão retomadas no dia 7 de janeiro de 2020

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) interrompe, a partir desta sexta-feira (20/12), o atendimento ao público em todos os cartórios eleitorais do estado, incluindo nas zonas eleitorais em fase de revisão biométrica obrigatória. Desse modo, ficam também suspensas a realização de audiências e publicação de acórdãos, sentenças e decisões durante o período de recesso. O retorno das atividades normais do órgão ocorrerá em 7 de janeiro de 2020. A suspensão dos serviços e prazos processuais em todo o Judiciário é prevista pela Lei n.º 5.010/66, art. 62.

Internet e 0800

Durante o recesso forense, estarão disponíveis ao eleitor os serviços oferecidos de maneira online (www.tre-ba.jus.br) e por meio da central telefônica (0800 071 6505), que somente terá expediente suspenso nos dias 24,25 e 31 de dezembro e 1º de janeiro.

Certidões

O eleitor que estiver em situação regular junto à Justiça Eleitoral poderá obter a certidão de quitação eleitoral no site do TRE-BA, www.tre-ba.jus.br. Aqueles que possuírem alguma pendência e – por qualquer que seja o motivo – precisarem da quitação eleitoral, poderão imprimir a certidão circunstanciada, que atesta a impossibilidade de o eleitor resolver a irregularidade durante o recesso. O documento pode ser acessado aqui.

Espetáculo Teatral “A Lenda do Vale da Lua” encanta o público no Centro Cultural Rivelino Silva de Carvalho

CAPACom texto adaptado de João das Neves, alunos da Escola Municipal de Teatro e Dança levaram ao palco, música, dança e cultura brasileira

Sob o olhar atento do público, a peça teatral “A Lenda do Vale da Lua” foi encenada pelos alunos da Escola Municipal de Teatro e Dança de Barreiras, na noite desta segunda-feira (16), deixando o Centro Cultural Rivelino Silva de Carvalho lotado. O enredo adaptado da obra do escritor João das Neves trouxe as aventuras de um boizinho que sai do Vale para a cidade, baseado no “faz de conta” dos personagens principais, incluindo elementos natalinos, o resgate de valores familiares e culturais.

DSC_0470O ator mirim de 11 anos, Vítor Dias, estava ansioso para mostrar o resultado dos ensaios no palco. “Meu personagem é o Carlos, ele brinca muito, arruma algumas confusões, mas nada muito prolongado. Hoje vieram me ver meu pai e minha mãe, eu gosto muito dos professores da Escola de Teatro que são muito legais, a aula, tudo é muito bom”, disse o ator.

DSC_0484

DSC_0485

DSC_0489A exibição da peça compõe a programação cultural de fim de ano da Prefeitura de Barreiras, com foco na cultura natalina, dentro do Projeto Cultura e Arte por toda Parte, da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer. Durante este mês, além do Centro Cultural, as atividades passaram pela Praça Castro Alves, Parque de Exposições Engenheiro Geraldo Rocha e escolas da rede municipal.
DSC_0492

DSC_0494Para tornar o espetáculo ainda mais vivo e interessante, a montagem contou com a colaboração dos músicos da Escola Municipal de Música Antoninho Sampaio que executaram a trilha sonora ao vivo com canções brasileiras populares. Segundo a diretora da Escola de Teatro, a união e os esforços dos professores e alunos tornaram tudo ainda mais bonito. “A escolha desta peça foi resultado de um grupo de pesquisa formado por alunos, professores e equipe escolar. Fomos em busca de um texto que lembrasse os valores natalinos, falasse de família e amor, em linguagem clara e simples para contagiar o público. Estamos envolvidos neste trabalho há mais de três meses, que é árduo e lindo”, destacou Carmem Pimentel.

DSC_0526

DSC_0594

DSC_0610Além dos pais e amigos dos atores, a secretária municipal de educação Cátia Alencar, o diretor de cultura Lucas Barreto e a subsecretária de Educação Emília Moreno ocuparam a primeira fileira para não perder nenhum detalhe da apresentação. “Ano que vem pretendemos vincular as aulas de teatro a uma unidade escolar do município para priorizar aos alunos da rede. Essa turma que se apresenta hoje, já pode fundar sua própria companhia de teatro com autonomia, e o que nós percebemos é que o aluno da rede municipal participante das aulas se desenvolve melhor na expressão artística, cultural e literatura. É muito prazeroso e vamos fortalecer ainda mais a escola de teatro com os alunos da rede”, acrescentou Cátia Alencar.

Fonte: Dircom

Projeto do TRE-BA, aplicativo Ágora, pode mudar sistema de participação política no Brasil

unnamedTecnologia para a criação de partidos e leis de iniciativa popular propõe modernizar o trabalho dos cartórios eleitorais, resultando em economia de recursos e maior participação dos cidadãos no sistema político do país
Um aplicativo de celular pretende transformar a criação de partidos políticos no Brasil. Idealizado pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, o projeto Ágora propõe que os partidos sejam criados com a coleta de impressões digitais dos eleitores nos smartphones e conferidas no banco de dados biométricos do Tribunal Superior Eleitoral. O novo sistema dispensa a checagem de assinaturas, realizada por servidores de forma manual nos cartórios eleitorais do país.

O projeto, que também poderá ser usado para facilitar a proposição de leis de iniciativa popular, foi apresentado pelos servidores do TRE-BA – Maurício Amaral, Jaime Barreiros Neto e André Cavalcanti, em junho de 2018, durante o Encontro do Colégio de Corregedores Eleitorais, em Salvador. Na ocasião, os três autores do Ágora mostraram um protótipo do aplicativo. Desde então, o TSE já emitiu pareceres favoráveis à viabilidade do projeto, que aguarda aprovação para a formação um grupo colaborativo que irá desenvolvê-lo. A grande novidade apresentada no Ágora é uma tecnologia que capta as digitais a partir de foto da ponta dos dedos, dispensando leitor de digitais integrados ao smartphone.

A ideia dos servidores do TRE-BA é usar a tecnologia para tornar o sistema político brasileiro mais participativo e seguro. Atualmente, o processo de criação de partidos é realizado com a coleta manual de dados e assinaturas pelos interessados, o que é conferido pelos servidores dos cartórios eleitorais. Cada partido em formação precisa de quase meio milhão de assinaturas para existir, um trabalho que já deveria estar sendo feito por máquinas.

O presidente do TRE-BA, desembargador Jatahy Junior, afirma que desde que foi apresentado ao Ágora, percebeu sua utilidade para a modernização dos serviços de identificação dos eleitores por smartphones. “Desde que os servidores do TRE-BA me mostraram o projeto, acreditei nisso e fiz logo a remessa para análise do TSE, nutrindo a esperança de que, em um futuro breve, a Justiça Eleitoral brasileira possa dispor dessa importante ferramenta”.

Confira apresentação do aplicativo no encontro de corregedores, em 2018

Na avaliação de Maurício Amaral, secretário de Planejamento, de Estratégia e de Eleições do TRE-BA, a substituição de um processo artesanal por algo digital e ligado diretamente aos dados coletados na revisão biométrica, representa uma economia de tempo e de recursos, além de maior segurança. “Nós, da Justiça Eleitoral, não temos formação grafotécnica para atestar a veracidade de uma assinatura. Essa conferência é feita por semelhança, mas por pessoas que não são treinadas para isso. Portanto, ainda é algo suscetível a erros e envolve um trabalho gigantesco”.

O analista judiciário André Cavalcanti também ressalta o desafio de conferir se uma assinatura foi ou não fraudada: “O aplicativo vai garantir a autenticidade do apoiamento da pessoa na formação dos partidos”, afirma. Foi Cavalcanti quem deu o nome Ágora ao sistema proposto pelo TRE-BA. De origem grega, a palavra significa “assembleia” e refere-se à origem da democracia direta na organização política. “A democracia brasileira é participativa, porque escolhemos os nossos representantes. A intenção é que os eleitores estejam ainda mais ativos no processo”, diz o servidor.

Com o uso dos dados biométricos pelo Ágora, o projeto ganha outra dimensão, deixando de servir apenas às eleições, o que amplia a democracia brasileira, defende o analista judiciário e professor Jaime Barreiros Neto. “Nós temos no Brasil uma democracia semi-direta, participativa, mas que, na prática, tem funcionado apenas durante o processo eleitoral. Projetos de iniciativa popular de lei, por exemplo, são poucos, porque requerem uma dinâmica muito grande de coleta de assinaturas e uma conferência manual que dificulta o trabalho da Justiça Eleitoral e o próprio desenvolvimento desses projetos. A nossa proposta é mudar esse cenário”.

Tecnologia expandida

O aplicativo Ágora está sendo gestado em um contexto no qual a tecnologia está cada vez mais presente na Justiça Eleitoral, desde a implementação da urna eletrônica, em 1996, destaca André Cavalcanti.

O Ágora também poderá ter a sua tecnologia expandida. Em uma etapa seguinte ao lançamento do aplicativo, estuda-se o uso de um sistema semelhante em serviços que dispensem a presença dos eleitores nos cartórios, como a atualização de dados cadastrais e o voto em trânsito. O aplicativo poderá ainda ser incorporado ao e-título, trazendo mais segurança e comodidade aos cidadãos.

Ao facilitar a criação de partidos e leis de iniciativa popular, o novo sistema trará consequências ao processo político no Brasil, mas essa nuance foge à pretensão da Justiça Eleitoral, afirma o secretário Maurício Amaral.  “Embora reconheçamos que o debate sobre a criação de partidos é um tema sempre presente, inclusive no contexto de uma reforma política, a nossa proposta restringe-se a uma melhoria no funcionamento do sistema, de forma a retirar dos servidores de cartório uma tarefa que consome muito tempo e pode ser totalmente automatizada”.

Biometria

A proposta do Ágora coincide também com o tempo que Justiça Eleitoral estabeleceu para a biometrização de 100% dos eleitores brasileiros.  O prazo final determinado pelo TSE é de que em 2022 todos os cidadãos do país devem ter as digitais cadastradas em seu banco de dados. Caso o aplicativo passe a vigorar antes desta data, aqueles que não tiverem realizado a biometria terão que participar do processo manualmente.

Mas o número de remanescentes será pequeno em comparação ao total de eleitores, analisa Maurício Amaral. “E, de qualquer forma, ter um sistema que facilite o trabalho da Justiça Eleitoral é sempre algo positivo. Já temos um banco de biometrizados grande o suficiente para que esses processos sejam feitos de forma cômoda, apenas baixando o aplicativo”.
Carla Bittencourt

Unidades da Embasa estão entre as melhores em gestão no saneamento ambiental

20191129_IMA_PremiacaoPNQS2019_BrenoViana (15)O Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento (PNQS), este ano, foi entregue a nove unidades regionais da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). As unidades de Itaberaba e Jequié receberam o Troféu Prata e as unidades de Candeias, Cabula, Feira de Santana, Irecê, Itabuna e Santo Antônio de Jesus ficaram com o Troféu Bronze. O prêmio é promovido pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes) e tem os critérios de excelência da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) como referência para pontuar as empresas de saneamento ambiental que atuam no país.

20191129_IMA_PremiacaoPNQS2019_BrenoViana (118)
Criado em 1997, o PNQS é uma iniciativa que busca estimular as organizações que atuam no setor de saneamento ambiental no Brasil a buscar e aplicar boas práticas de gestão; reconhecer as organizações que se destacam pela adoção dessas práticas e têm resultados competitivos de desempenho, tornar públicas as práticas das organizações reconhecidas em seminários e publicações especializadas. Entre as empresas premiadas, estão a Sabesp (SP), Corsan (RS), Deso (SE), Grupo Iguá (MT) e Águas de Pará de Minas S.A.(MG).
20191129_IMA_PremiacaoPNQS2019_BrenoViana (150)

“O PNQS, mais do que um prêmio, tem sido uma importante referência para a melhoria da gestão de nossos processos. A Embasa voltou a implementar as práticas de gestão recomendadas pela FNQ em 2016 e, desde então, melhorias significativas já são evidentes para quem se relaciona com a empresa. Em 2018, tivemos três unidades premiadas. Este ano, foram nove premiadas e as diretorias da área meio também redigiram o relatório para o PNQS e foram submetidas ao julgamento de especialistas da FNQ. É claro que ainda temos muito chão para trilhar na busca de entregar serviços de qualidade para nossos clientes, mas demos os primeiros passos tem alguns anos e estamos colhendo bons resultados com perspectiva de melhoria contínua”, declara Rogério Cedraz, presidente da Embasa.

Assessoria de Comunicação Social da Embasa
 
Odestaque

Facção criminosa que atua no tráfico de drogas e roubos a bancos é alvo de operação na Bahia

Op-pmFoto: Alberto Maraux / SSP-BA

O Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) deflagrou uma operação contra uma facção criminosa que atua no tráfico de drogas, roubos a bancos, homicídios, corrupção de menores e outros crimes, na manhã desta terça-feira (17). Os mandados de busca e apreensão são cumpridos nos bairros de Pirajá e Parque São Bartolomeu, em Salvador, e nas cidades de Simões Filho e Conceição do Jacuípe.

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública do estado (SSP-BA), a quadrilha também tinha atuação no Maranhão. Foram eles os responsáveis por roubar R$ 100 milhões de um banco no estado em novembro de 2018.

Em geral, há cerca de 450 agentes ruas da Bahia e do Maranhão. De acordo com a SSP-BA, além do Draco, s equipes são compostas por outros membros das polícias Civil (DIP, COE, DHPP, Depom, Depin, Polinter e DCCP), Militar (Graer, Bope, Choque, Apolo, Águia, Bepe, Cavalaria, Coppa, Beptur, Gêmeos, Cipes PI e LN, além dos Batalhões Rodoviário e de Guardas), do Departamento de Polícia Técnica (DPT), da Superintendência de Inteligência da SSP, da Polícia Rodoviária Federal e da Secretaria de Administração Penitenciária.

Fonte: Bahia Noticias