OPERAÇÃO DA PF COMBATE CONTRABANDO E LAVAGEM DE DINHEIRO NO SUL DA BAHIA

pf-no-sul-da-bahia-580x329A Polícia Federal deflagrou hoje (16) operação para combater crimes de contrabando de cigarros e de lavagem de dinheiro praticados por uma organização criminosa instalada no sul da Bahia. Cerca de 150 policiais federais cumprem 11 mandados de prisão preventiva e 32 mandados de busca e apreensão nas cidades de Ilhéus, Itabuna, Ubaitaba, Jequié, Itapetinga e Teixeira de Freitas na Operação Solana.

As investigações duraram cerca de um ano e tiveram início a partir de prisões em flagrante de integrantes do grupo investigado, que efetuavam o transporte de cigarros contrabandeados do Paraguai em veículos de passeio. A partir dessas prisões, com o aprofundamento dos trabalhos investigativos, foram identificados os principais integrantes do grupo, que utilizavam inclusive carretas para contrabandear os cigarros.

Também foi identificada uma grande quantidade de receptadores, que adquiria as mercadorias dos transportadores e realizava a venda no comércio local. No transcorrer das investigações, foram feitas diversas apreensões, totalizando mais de um milhão de maços de cigarros apreendidos das mais variadas marcas.

Segundo dados do IDESF (Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras), o cigarro representa quase 70% do contrabando que entra no Brasil e, somente com este produto, deixam de ser arrecadados cerca de R$ 4,5 bilhões em impostos. O contrabando entra no país principalmente pela região de Foz do Iguaçu, sendo distribuído para todo os estados.

Os investigados responderão pelos crimes previstos nos artigos 334 do Código Penal (contrabando), 2º da Lei nº 12.850/13 (organização criminosa) e 1º da Lei nº 9.613/98 (lavagem de dinheiro).

Será concedida entrevista coletiva, às 10h, na Delegacia de Polícia Federal de Ilhéus/BA, situada na Avenida Governador Roberto Santos, nº 11, bairro Esperança. O nome da operação é uma referência à família de plantas Solanaceae, à qual pertence o tabaco.

LEM: MOTOQUEIRO COLIDIR COM VEÍCULO NO BAIRRO JARDIM DAS ACÁCIAS E FICA FERIDO.

l2

l3

l4

l1Nesta quinta feira por volta das 17hs no bairro jardim das Acácias na Rua mutamba em Luís Eduardo Magalhães ocorreu um acidente envolvendo três veículos deixando um motoqueiro ferido.O SAMU esteve no local e fez os primeiros socorros e o encaminhou para UPA. A polícia militar da 85 CIPM registrou ocorrência.
Segundo informações o condutor da moto estaria trafegando na Rua mutamba sentido bairro Jardim Alvorada quando ao colidiu na traseira de um taxi que estava parado para dar passagem a um carro pampa, o motoqueiro bateu no lado esquerdo do taxi e em seguida bateu de frente com a pampa.
O condutor da pampa comentava que uma carreta que estava estacionada no local onde ocorreu o acidente não deveria estar ali pois na outra mão haviam outros veículos estacionados deixando apenas uma pista de rolamento.
Este foi o motivo pelo qual o veículo de passageiro veio a parar e ocasionar o acidente.

Fonte:odestak/destak noticias.

Grupo invade delegacia em Ibirapitanga, cidade na região sul da Bahia e mata dois presos

delegacia Um grupo de homens armados invadiu o complexo policial de Ibirapitanga, cidade na região sul da Bahia, matou dois presos e baleou um terceiro, durante a madrugada desta quinta-feira (16). Em contato com o G1 na manhã desta quinta, a polícia civil do município confirmou o crime, mas não entrou em detalhes sobre como os suspeitos conseguiram entrar na delegacia.

Ainda de acordo com a polícia civil, nenhum policial ficou ferido durante a ação. O homem baleado foi socorrido para o Hospital de Base, em Itabuna, a cerca de 90 quilômetros de Ibirapitanga. O estado de saúde do paciente não foi divulgado.

Um homem que estava preso no complexo policial aproveitou o crime para fugir. Até por volta das 9h40, ele não havia sido localizado pela polícia. O grupo que invadiu o local também fugiu. A Polícia Militar realiza rondas pela região, mas ninguém foi preso. A autoria e motivação do caso serão investigadas pela Polícia Civil.

Há menos de um mês, no dia 27 de fevereiro, a delegacia da cidade também foi um invadida por um grupo armado, e um preso que estava custodiado no local. Na situação, um carcereiro estava no complexo policial, mas conseguiu escapar.

Fonte:G1

PRF resgata 32 pássaros dentro de sacolas de viagem em ônibus na BA

passarinhos-e1489571410220A Polícia Rodoviária Federal (PRFs) resgatou, na manhã desta terça-feira (14), 32 pássaros silvestres que eram transportadas por um passageiro em um ônibus interestadual, no km 730 da BR-330, trecho do município de Jequié, no sudoeste da Bahia. Os animais eram levados dentro de duas bolsas de viagem, por um homem de 43 anos. Os animais, que pertencem à fauna nativa brasileira, são das espécies conhecidas popularmente como “Papa Capim” (27), “Chorão” (3) e “Azulão” (2). Os bichos eram transportados ainda sem tinham ventilação e água. À polícia, o homem admitiu não ter documentação ambiental que comprovasse a origem das aves. Os animais foram capturados ilegalmente da natureza no município de Barra do Rocha e seriam levados para São Paulo (SP), onde o suspeito mora. Nos pertences do homem, havia ainda duas anilhas numeradas do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama), objetos que poderiam ser usados para ocultar a origem ilegal dos pássaros. Foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) contra o passageiro pelo cometimento do crime de transporte ilegal de animal silvestre, previsto no Art. 29 da Lei de Crimes Ambientais. As aves foram encaminhadas para o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) em Jequié. (Correio)

MENORES INFRATORES SÃO TRANSFERIDOS PARA UNIDADE DE INTERNAMENTO DE SALVADOR

fundac-800x445
Foto Divulgação

Agentes investigadores da 11ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior/Unidade de Barreiras, transferiram para a Fundac – Fundação da Criança e do Adolescente, localizada em Salvador/BA, os menores infratores A.S.S., oriundo de Luis Eduardo Magalhães, além de N.F.J.S e D.F.A.S. procedentes do município de São Desidério. A Fundac é um órgão ligado à Secretária Estadual da Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, que atende menores de idade em cumprimento de medidas socioeducativas de semiliberdade e internação.

Sem unidades para internação e ressocialização para menores infratores na região Oeste da Bahia, muitos adolescentes são liberados diariamente depois de cometerem crimes graves contra a população, como roubos, furtos, posse ilegal de arma de fogo e trafico de drogas.

Raramente, em casos de reincidência e dependendo da gravidade do ato infracional, o Poder Judiciário acata solicitações dos delegados de polícia e encaminha o infrator para centros socioeducativos de Salvador/BA.

De acordo com os delegados de polícia no município de Barreiras, cidade pólo do oeste baiano, a Secretaria de Justiça tem sido alertada sobre a necessidade de construir um centro socioeducativo na região, mas até agora não deu qualquer previsão de atender a urgente necessidade.

 

Cafarnaum:Polícia descobre roça de maconha avaliada em R$ 5 milhões

A Polícia Civil descobriu na manhã desta quarta-feira, uma roça de maconha localizada no município de Cafarnaum/BA, na região de Irecê.
Segundo a polícia, a roça produziria dez toneladas da droga que estava avaliada em R$ 5 milhões de reais. Ainda de acordo com a polícia, a droga pertence uma facção criminosa que atua em todo o estado da Bahia.
A roça fica na zona rural do município e, a descoberta veio depois de quatros meses de investigação. A plantação possuía sistema de irrigação com poços artesianos e reservatório de água com bombas de sucção.
1-5
FotorCreated-12
Operação-Policial-2-1
Operação-Policial-3
Operação-Policial-4
A droga apreendida foi encaminhada para o Departamento de Polícia Técnica de Irecê, e será contada, pesada e analisada. Na sequência, será incinerada.
A polícia disse que os donos da plantação não foram presos, mas já foram identificados e agentes segue nas buscas para prendê-los.
O cumprimento dos mandados de busca e apreensão teve a coordenação do delegado Roberto Leal e a participação de outros delegados, investigadores e escrivães da 14ª Coordenadoria de Polícia do Interior, com sede em Irecê e equipes da Coordenação de Apoio Tático e Investigação (Cati).
O delegado Roberto Leal ainda acrescentou que será  instaurado Inquérito Policial para apurar crimes de tráfico de substância entorpecentes e associação para tráfico.  E ressalta que toda investigação será remetida à disposição da justiça após prisão dos suspeitos.
Fonte;odestak/Lem Noticias

Governo decreta situação de emergência em 106 municípios afetados por estiagem Quarta | 15.03.2017 | 08h09Autor: Correio 24h

images-(4)-51
Foto Reprodução

O Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (15) publica decreto de situação de emergência por estiagem em mais 106 municípios baianos pelo período de 180 dias. Os baixos índices pluviométricos registrados nos últimos seis anos, que estão afetando quase a totalidade do estado, foram levados em consideração pelo governador Rui Costa para assinar o decreto, fundamentado no Art. 1º da Instrução Normativa Nº 02 do Ministério da Integração Nacional. Segundo o governo, a escassez das chuvas tem comprometido a regularidade no fornecimento de água potável e provocado graves prejuízos às atividades produtivas, principalmente à agricultura e à pecuária. Conforme o decreto, que passou pela análise da Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec), todos os órgãos estaduais devem participar de ações com o objetivo de buscar soluções para restabelecer a normalidade e preservar o bem-estar da população. Abaíra,  America Dourada, Antonio Gonçalves, Aracatu, Barra do Choça, Barra do Mendes, Boa Nova, Bom Jesus da Serra, Boninal, Boquira, Botuporã, Brejões, Brotas de Macaúbas, Brumado, Caetanos, Cafarnaum, Campo Alegre de Lourdes,

Canarana, Candeal, Caraibas, Casa Nova, Castro Alves, Caturama, Central, Cipó, Conceição do Almeida, Condeúba, Contendas do Sincorá, Cordeiros, Érico Cardoso, Fátima, Filadélfia, Feira de Santana, Guanambi, Heliópolis, Iaçú, Ibiassucê, Ibipeba, Ibiquera, Ibitiara, Ibititá, Igaporã, Ipupiara, Irajuba, Iramaia, Iraquara, Itaguaçú da Bahia, Itaquara, Itatim, Itiruçú, Itororó, Ituaçú, Iuiú, Jacaraci, Jacobina, Juazeiro, Jussara, Jussiape, Lagoa Real, Lamarão, Licinio de Almeida, Macaúbas, Maetinga, Malhada, Marcionilio Souza, Milagres, Morpará, Morro do Chapéu,

Depoimento de Emílio confirma fala de Wagner sobre caixa 2: ‘Todo mundo operou’

images (1)Quatro meses antes de Emílio Odebrecht, presidente do grupo que leva o sobrenome da família, admitir que o caixa 2 “sempre existiu” na empreiteira o ex-governador Jaques Wagner apontou, ao Bahia Notícias, que o artifício era uma regra no sistema político brasileiro. Em novembro do ano passado, Wagner apontou que todos os partícipes do cenário político adotavam a prática para se manter como parte do jogo. “O nome que se dá de caixa 2 dá a impressão que o cara está numa falcatrua. Não, o cara pegou aquele dinheiro e foi fazer campanha. O sistema era esse, todo mundo operou nesse sistema”, disse Wagner, à época coordenador do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codes) na Bahia. O ex-ministro de Lula e Dilma Rousseff expôs o que a classe política, em diversos momentos, tentou negar. “Eu quero contribuição de campanha, se a contribuição puder ser oficial, é sempre melhor. Aí o empresário diz: ‘Ah, eu não quero dar para que meu nome não apareça. E o cara está precisando. O sistema é esse. O cara que está fazendo a campanha dele vai dizer ‘Não quero’?. Falta uma semana para a campanha, o cara diz ‘Tenho R$ 100 mil aqui’, mas não quero que meu nome fique aí. Você vai dizer ‘não quero, muito obrigado’? E o vizinho vai pegar? O sistema é indutor disso”, explicou Wagner, admitindo que todos os interlocutores políticos sobreviveram nesse “sistema” Em tempos de uma nova lista da Procuradoria Geral da República sobre a Operação Lava Jato com a delação premiada dos executivos da Odebrecht, e de caixa oficial com investigação autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), resta saber quantos operadores políticos ficaram fora do uso de caixa 2.

JUÍZA TRANSFORMA EM RÉU SERVIDOR QUE CHAMOU GEDDEL DE ‘GOLPISTA’

gdA Justiça Federal acolheu na última terça-feira (7) uma queixa-crime do ex-ministro Geddel Vieira Lima contra um servidor do governo federal que, em agosto, o chamou de “golpista” dentro de um avião.
Na decisão, a juíza substituta Pollyanna Kelly Alves diz que o termo pode ser entendido como “expressão injuriosa apta a ofender a dignidade ou o decoro”.
A juíza, apesar de ter decidido dar sequência ao processo por injúria, descartou as queixas do peemedebista por calúnia ou difamação -quando se acusa alguém falsamente da prática de um crime ou de um fato ofensivo à reputação.
Pollyanna Kelly Alves justificou a decisão dizendo que, a partir do impeachment de Dilma Rousseff, “a expressão tornou-se banalizada e ordinariamente utilizada”.”As palavras ‘golpe’ e ‘golpistas’ evidenciam, no contexto atual, o inconformismo daqueles que se sentiram insatisfeitos com o resultado do processo político constitucional de impedimento da ex-presidente da República”, escreve a magistrada.
A Justiça deu prazo para que o servidor apresente sua resposta à acusação pelo crime de injúria. Só então decidirá pela condenação ou absolvição.
Em um voo de Brasília a Salvador em agosto do ano passado, quando Vieira Lima era ministro-chefe da Secretaria de Governo, o servidor federal Edmilson Dias Pereira anunciou a presença do peemedebista no avião em voz alta.”Senhoras e senhores, nós temos aqui no avião, o Ministro Geddel Vieira Lima, do governo golpista do Michel Temer, que é parceiro do Eduardo Cunha. […] Golpista! Golpista! Vocês vão ficar marcados para sempre como golpistas”, afirmou.Pereira filmou o episódio, que foi postado em redes sociais.
A reportagem não conseguiu contato com a defesa de Pereira. Na ação, segundo a decisão da Justiça, ele argumenta que a manifestação é parte do “exercício da livre manifestação do pensamento e da liberdade de expressão”.
Em outra ação, o ex-ministro pede ainda uma indenização de R$ 50 mil ao servidor público. Com informações da Folhapress.
Notícias ao Minuto