Eleições 2018 o que o eleitor pode e não pode fazer no dia da votação

Urna-00-11-2

O ELEITOR PODE FAZER NO DIA DA ELEIÇÃO

1. Demonstrar a sua preferência por um candidato ou partido com uso de bandeiras, broches, adesivos. Mas a manifestação deve ser silenciosa e individual.
2. Usar camisa e boné pode ser permitido se forem feitos pelo eleitor. Mas se houver uma concentração de pessoas usando camisetas, bonés ou outros tipos de publicidade de um candidato partido, isso pode ser entendido como propaganda, o que é crime eleitoral.
3. Levar uma cola com os números dos candidatos para uma votação.
4. Proibido tirar foto com a urna e levar cola de voto no celular. Os objetos deverão ficar retidos pelo os mesários enquanto voto realizado.

O ELEITOR NÃO PODE FAZER NO DIA DA ELEIÇÃO

1. Concentração de pessoas, até o fim da votação, com camisas padronizadas, bandeiras, broches e adesivos de candidatos ou de partidos.
2. Utilização de alto-falantes ou amplificadores de som.
3. Realização de comícios ou carreatas.
4. Oferecer alimentos o transporte de eleitores.
5. Fazer boca-de-urna ou tentar convencer um eleitor a votar em um candidato ou a não votar.
6. Distribui qualquer tipo de propaganda eleitoral, como santinhos ou panfletos.
7. Usar celular, máquina fotográfica, filmadora ou outro dispositivo que prejudique o sigilo do voto.
8. Venda de bebidas alcoólicas das 22:00h do dia 6 de outubro até as 18:00h do dia 7 de outubro. Se houver segundo turno, a proibição aplica-se também a partir das 22:00h do dia 27 de outubro até as 18:00h do dia 28 de outubro.