Roda Velha: Equipe trava trilha faz ação social com entrega de cestas básicas.

Na tarde deste Sábado (09), organizadores da equipe Trava Trilha de Roda Velha fez um trabalho de ação social levando alimentos para varias famílias em Roda Velha de baixo,parte das cesta distribuídas foram arrecadados no evento realizado  dia 20 de Outubro com participação de vários motociclistas de Roda Velha e região.

3d8779eb-dc39-4d23-9b7a-b4e675de1398

5ca28d34-f555-46d2-b4b0-21fafce44d06Fernando Rodrigues e Carlos Alberto organizadores fazendo as entregas

6c315537-343a-4764-9147-6ed5eff37692

6d9123c1-4192-4fd0-b392-8b1948f4ac2a

26a4b235-e04c-44a3-b699-0acf6b34b9c3

46f3e6bb-8a15-420a-aec9-492f1ce1bd9b

84ab8f3e-8a0d-42f4-b23c-3c97b1c8fca6

eb424eef-7055-41a0-95d9-aa4fb5b8f773

f7d292b9-eab2-43cd-87d6-fc6453cc82af

fd40a608-b0b1-42f7-9f27-806522de5a08

Fonte: Odestaque

Comunidade de Sítio Novo receberá importantes obras da Prefeitura de São Desidério nesta sexta-feira 08

divulgaçãoA Prefeitura de São Desidério realizará na sexta-feira 08 de novembro, a inauguração da obra de pavimentação asfáltica, praça e entrega de casas populares no povoado de Sítio Novo.

Os investimentos foram realizados com recursos próprios do município e a solenidade de inauguração acontecerá às 19 horas. Haverá ônibus saindo da Praça da Prefeitura às 18 horas.

Ascom Prefeitura de São Desidério

Supermercado Redenção

O cliente encontra tudo em um só lugar, produtos alimentícios, produtos de limpeza e um completo açougue com os melhores cortes de carnes bovinas, suínas, frios e congelados.
Frutas e verduras com ótimos preços, venham conferir!
Não deixe de economizar Supermercado Redenção agradece a sua preferência.

zzz

Jaidi-07

Jaidi Supermercado-26

Jaidi-04

Jaidi-06

zzzVenham conferir! Supermercado Redenção, Rua Amazonas Centro de Roda Velha. Fone: 3684-2324

Fonte: Publicidade

Outubro Rosa na Tribuna Popular em Barreiras

capa

foto1

foto5

foto6

“O câncer de mama é um assunto sério e tem que ser discutido o ano todo”, com esse pensamento, a vereadora Silma Alves recepcionou a mastologista Dr. Alba Dias na noite desta quarta-feira, 06, para a sessão especial com o tema “Outubro Rosa”, estendendo a conscientização da campanha mundial que alerta as mulheres sobre a importância do autoexame e a descoberta precoce do câncer de mama.
Dedicada aos assuntos relacionados as mulheres e idosos, a iniciativa da Tribuna Popular foi da vereadora Silma Alves com objetivo de ampliar as discussões em todos os ambientes sobre a prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer de mama, que ainda tem vitimado muitas brasileiras.
“Somos mulheres, mães e como vereadora e representantes do poder público, temos a obrigação de incentivarmos as políticas sociais por meio de ações capazes de sensibilizar toda a população. É preciso trabalhar a autoestima das mulheres, levando informações sobre o autoexame, promovendo também o envolvimento da família e a intensificação na realização de campanhas com informações sobre a necessidade da prevenção do câncer de mama, as visitas periódicas ao ginecologista, além das coletas dos exames de Papa Nicolau que podem levar à cura. A saúde das mulheres necessita de cuidados cotidianos como a alimentação saudável, a prática regular de atividades que promovam o bem-estar e as visitas periódicas aos profissionais de saúde. Esse cuidado deve ser contínuo, por isso renovamos o compromisso com a saúde das mulheres a cada ano e o movimento Outubro Rosa reforça a nossa preocupação”, ressaltou Silma.

STF Nega Pedido de prisão temporária da Ex-Presidente Dilma Rousseff em Operação realizada nesta Terça-feira

fjhfrjgr442ehd

A Polícia Federal pediu a prisão temporária da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) em inquérito que apura se a JBS fez, a pedido do PT, doações ilícitas de R$ 40 milhões a aliados dela nas eleições de 2014. A medida, no entanto, foi negada pelo ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal).

A informação consta de representação enviada à corte, em 26 de junho, pelo delegado Bernardo Guidali Amaral. Ele também requereu as prisões temporárias (de cinco dias, renováveis) do ex-ministro da Fazenda Guido Mantega, do ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) Vital do Rêgo, dos ex-senadores Eunício Oliveira (MDB-CE) e Valdir Raupp (MDB-RO), e mais cinco pessoas. O delegado justificou haver “alta probabilidade” de os investigados, “caso mantidos em liberdade”, interferirem na coleta de provas.

Contudo, o vice-procurador-geral da República, José Bonifácio Borges de Andrada, discordou das medidas. Em seu parecer sobre o caso, justificou que “não há evidências” de que os investigados “possam atrapalhar a execução das medidas de busca e apreensão”.

Em sua decisão, de 21 de outubro, Fachin afirmou que, embora “esteja satisfatoriamente demonstrada a plausibilidade das hipóteses investigativas levadas a efeito pela autoridade policial, a pretensão de restrição da liberdade de locomoção dos investigados não se encontra provida da indicação de concretas condutas atentatórias às apurações que evidenciem a necessidade da medida extrema”. (mais…)

Novos membros do Comitê da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica são empossados

normal_1572980302DSC_1006

normal_1572980303DSC_1058

Em cerimônia realizada na Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), na manhã desta terça-feira (05), o titular da pasta, João Carlos Oliveira, deu posse aos novos membros do Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica (RBMA), retomando as atividades do órgão após sete anos desativado. Ao todo, 14 instituições dos diversos segmentos estão representadas no comitê, entre eles, sociedade civil organizada, setor empresarial, comunidade científica, organizações não governamentais, estado, comunidades tradicionais e instituições ambientais.

Para o secretário do Meio Ambiente, João Carlos Oliveira, a posse dos membros do Comitê Estadual da RB Mata Atlântica é resultado de um esforço conjunto para a retomada e fortalecimento das atividades da instituição. “Lembro que a reativação do Comitê foi um dos primeiros pleitos que recebi após assumir a gestão da Sema, em fevereiro deste ano. Conseguimos colocar a demanda na pauta do Estado, e, no dia 05 de junho, dia do Meio Ambiente, o governador Rui Costa assinou o decreto para reativação. De lá para cá, temos nos organizado de forma estratégica e com muito trabalho de toda equipe da Secretaria Executiva dos Colegiados Ambientais para que pudéssemos estar aqui hoje, neste espaço de construção coletiva e democrática para preservação e restauração da biodiversidade, cultura e tradição local nas áreas de remanescentes da Mata Atlântica,” afirmou.

Membro do Comitê representando as entidades da Rede de ONGs da Mata Atlântica, o presidente do Grupo Ambientalista da Bahia (Gambá), Renato Cunha, falou sobre a importância da instituição para a governança da reserva da biosfera da Mata Atlântica na Bahia. “O estado tem uma significativa importância nesse bioma e seus remanescentes florestais. Vamos fazer uma gestão democrática e coletiva, não só o comitê, como seus subcomitês nas várias regiões da Mata Atlântica, desde o Litoral Norte até o Extremo Sul. A partir dessa instituição poderemos ajudar na mobilização e na construção de uma política pública para conservação e recuperação da mata atlântica no estado”, disse.

A Reserva da Biosfera da Mata Atlântica foi a primeira a ser criada no Brasil. Na Bahia, foi criado na década de 90 e teve vital importância para o desenvolvimento do Projeto Corredores Ecológicos, entre 2005 e 2012. O estado é o que mais possui Postos Avançados da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica. Dos 60 postos existentes no país, 14 estão na Bahia, e destes, 10 estão localizados no Litoral Norte. Para a secretária executiva do Subcomitê da RB Mata Atlântica do Litoral Norte, os postos avançados são a vitrine do desenvolvimento da reserva da biosfera da Mata Atlântica. Ela explica que para uma instituição ser reconhecida como posto avançado deve comprovar que desenvolve ações no tripé: educação ambiental, conhecimento científico e tradicional, e preservação do bioma.

“Por conta desse notório desenvolvimento de instituições no Litoral Norte com esse perfil, nós fomos escolhidos para implantação do primeiro roteiro da reserva da biosfera da Costa dos Coqueiros, que será formalizado na 27ª reunião anual do Conselho Nacional da RBMA, de 5 a 7 de novembro. Esses 10 postos compõem uma rota de visitação para ampliação do turismo e do desenvolvimento sustentável da nossa região”, comemora Adriana de Castro, que será agraciada este ano com o prêmio Muriqui, que reconhece instituições, pessoas jurídicas e físicas, que se destacam em trabalhos em prol da preservação da cultura e da tradição local da Mata Atlântica.

RESERVA DA BIOSFERA

A Bahia é o estado com maior número de reservas da biosfera no país. Além das RBs Mata Atlântica e Caatinga, a reserva da biosfera do Cerrado ganhou novos limites e passará a incluir a Bahia e a RB Serra do Espinhaço com a Chapada Diamantina. A RB é um modelo, adotado internacionalmente, de gestão integrada, participativa e sustentável dos recursos naturais, com os objetivos básicos de preservação da diversidade biológica, o desenvolvimento de atividades de pesquisa, o monitoramento ambiental, a educação ambiental, o desenvolvimento sustentável e a melhoria da qualidade de vida das populações, nos termos da Lei do SNUC (Lei nº 9.985/00).

As Reservas da Biosfera, existentes em diversos países, têm sua sustentação no Programa Intergovernamental Man and Biosphere (“O homem e a biofera”) da UNESCO, desenvolvido com o PNUMA – Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, com a UICN – União Internacional para a Conservação da Natureza e com agências internacionais de desenvolvimento.

Conheça os novos membros do Comitê Estadual da RB Mata Atlântica, por segmento:

 

(mais…)

Leilão do pré-sal pode arrecadar hoje R$ 106,5 bilhões

plataforma-p-54_foto_petrobras

Considerado o maior leilão do setor de petróleo e gás da história, a Rodada de Licitações do Excedente da Cessão Onerosa será realizada hoje (6) no Rio de Janeiro, a partir das 10h, pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A expectativa do governo federal e da agência reguladora é que o leilão possa arrecadar até R$ 106,56 bilhões em bônus de assinatura, que serão repartidos entre a Petrobras, a União, estados e municípios.

Foram habilitadas a participar 14 empresas privadas e estatais, incluindo a Petrobras, que devem formar consórcios e apresentar propostas para produzir petróleo e gás a partir de reservas excedentes de quatro blocos do pré-sal, que já estavam cedidos à Petrobras na Bacia de Santos, por meio do Contrato de Cessão Onerosa.

O bônus de assinatura é o valor pago pelas empresas à União para firmar os contratos. No caso dos leilões do pré-sal, o valor a ser pago é fixo, já que os contratos seguem as regras do Regime de Partilha. Nesses leilões, o critério de avaliação das propostas é o excedente em óleo, também chamado de óleo-lucro. Isso significa que as empresas se comprometem a dividir com o Estado brasileiro uma parte do que for extraído dos blocos, e esse percentual é calculado apenas depois de serem descontados os custos de operação e royalties. A proposta vencedora será aquela em que a União terá a maior participação.

No leilão de hoje, as empresas devem oferecer à União fatias iguais ou superiores aos seguintes percentuais mínimos de óleo-lucro: 26,23% no bloco de Atapu, 23,24% no de Búzios, 18,15% no de Itapu e 27,88% no de Sépia.

Se as quatro áreas oferecidas forem arrematadas, a rodada terá uma arrecadação de bônus de assinatura mais que 11 vezes maior que os R$ 8,9 bilhões obtidos na 16ª Rodada de Concessão, realizada no mês passado. A ANP também compara que o valor supera os R$ 60 bilhões arrecadados com o bônus de assinatura de todos os leilões já feitos desde a fundação da agência reguladora.

Os quatro blocos disponíveis no leilão são Atapu, Búzios, ltapu e Sépia, que estão no polígono do pré-sal, na Bacia de Santos, em uma área que faz parte do litoral do Rio de Janeiro. Essas áreas foram cedidas à Petrobras em 2010, por meio do Contrato de Cessão Onerosa, assinado com a União. Para ter o direito de extrair até 5 bilhões de barris de óleo equivalente nessas reservas por 40 anos, a Petrobras pagou R$ 74,8 bilhões ao governo, porém foram descobertas reservas ainda maiores nas áreas. Por causa disso, o leilão é chamado de Rodada de Licitações dos Excedentes da Cessão Onerosa – o que será leiloado é o direito de extrair as quantidades que excedem esse limite de 5 bilhões reservado para a Petrobras.

Preferência

Os investimentos feitos nas áreas da cessão onerosa desde 2010 permitiram estimar que as reservas ali presentes podem exceder em até três vezes esses 5 bilhões de barris previstos inicialmente, chegando a 15 bilhões de barris de óleo equivalente. A definição do que fazer com essa reserva excedente dependia da discussão de um aditivo de contrato à Petrobras, já que a estatal pediu um ajuste em 2013 devido à desvalorização do preço do barril de petróleo, parâmetro que foi utilizado para calcular os mais de R$ 70 bilhões pagos pela cessão onerosa em 2010. Além disso, também estava em discussão o ressarcimento à Petrobras de parte dos gastos com pesquisa e desenvolvimento na área, já que esses investimentos beneficiarão os futuros licitantes.

Após anos de negociação, o impasse foi resolvido com um acordo assinado em abril deste ano. Foi definido que a Petrobras receberia US$ 9,058 bilhões, o que abriu caminho para a realização do leilão, no qual a estatal também garantiu o direito de participar. A empresa manifestou preferência por duas áreas, Itapu e Búzios, que têm a maior reserva de petróleo já encontrada no Brasil, e, por isso, prevê um bônus de assinatura de R$ 68,194 bilhões. Para isso, a Petrobras já informou que pretende usar os US$ 9 bilhões recebidos (cerca de R$ 34 bilhões) no próprio leilão.

A legislação brasileira prevê que quando são leiloados blocos do pré-sal, a Petrobras tem o direito de exercer preferência. Quando se manifesta nesse sentido, a estatal brasileira deve ser incluída no consórcio vencedor, com participação mínima de 30%.

Na prática, a manifestação da Petrobras significa que já há interessados por dois blocos. Com isso, a arrecadação em bônus de assinatura chegaria perto dos R$ 70 bilhões, já que o bloco de Itapu prevê bônus mínimo de R$ 1,766 bilhão. O valor total de bônus de assinatura do leilão atinge R$ 106,56 bilhões com os blocos de Sépia (R$ 22,859 bilhões) e Atapu (R$ 13,742 bilhões).

Além de prever grandes reservas, os contratos do leilão da cessão onerosa têm valores altos porque envolvem menos riscos. Os contratos convencionais preveem inclusive a possibilidade de não encontrar reservas, que, nesse caso, já estão confirmadas.

Gigantes do setor

Montantes tão elevados de reservas e investimentos atraíram algumas das maiores empresas petrolíferas do mundo para o leilão, que teve 14 companhias habilitadas a participar. Integram a lista empresas privadas e estatais: a BP Energy do Brasil Ltda. (Reino Unido), a Chevron Brasil Óleo e Gás Ltda. (Estados Unidos), a CNODC Brasil Petróleo e Gás Ltda. (China), a CNOOC Petroleum Brasil Ltda. (China), Ecopetrol Óleo e Gás do Brasil Ltda. (Colômbia), a Equinor Brasil Energia Ltda. (Noruega), a ExxonMobil Exploração Brasil Ltda (Estados Unidos), Petrogal Brasil S.A (Portugal), a Petrobras (Brasil), a Petronas Petróleo Brasil Ltda. (Malásia), a QPI Brasil Petróleo Ltda. (Catar), a Shell Brasil Petróleo Ltda. (Países Baixos e Reino Unido), a Total E&P do Brasil Ltda. (França) e a Wintershall DEA do Brasil Exploração e Produção Ltda (Alemanha). Apesar de habilitadas, as empresas podem decidir não apresentar propostas durante o leilão.

O prazo para o pagamento do bônus de assinatura vai depender de quanto os lances vencedores vão superar o percentual mínimo de óleo-lucro definido para o leilão. Essa diferença é chamada ágio e, se for menor que 5%, o pagamento deve ser feito até 27 de dezembro de 2019.

Caso o ágio supere 5%, os vencedores deverão pagar 75% do bônus até 27 de dezembro, no caso de Itapu e Búzios, e 50%, no caso de Sépia e Atapu. Se isso ocorrer, o restante do bônus deverá ser quitado até 26 de junho de 2020.

A divisão desse dinheiro entre as unidades da Federação e municípios foi definida em discussão no Congresso Nacional e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro. Dos R$ 106,56 bilhões, R$ 34,6 bilhões ficarão com a Petrobras em razão do aditivo pactuado com a União. Do restante, 67% serão da União, 15% ficarão com estados, 15% com os municípios e 3% com o Rio de Janeiro, estado produtor.

A ANP prevê que quando todas as unidades de produção estiverem instaladas nas áreas licitadas, a arrecadação anual deverá ser de pelo menos R$ 43,4 bilhões e poderá atingir R$ 79,2 bilhões.

6ª Rodada de Partilha

Amanhã (7), a ANP realizará mais um leilão para permitir a exploração e produção de petróleo e gás na camada pré-sal. Será a a 6ª Rodada de Licitações de Partilha de Produção, que oferecerá os blocos de  Aram, Bumerangue, Cruzeiro do Sul e Sudoeste de Sagitário, na Bacia de Santos. Também será leiloado o bloco Norte de Brava, o único da lista que fica no pré-sal da Bacia de Campos.

O bônus de assinatura total do leilão será de R$ 7,850 bilhões e, assim como no certame de hoje, as empresas inscritas vão disputar por meio de lances com percentuais de excedente de óleo a serem partilhados com a União.

Ao todo, 17 companhias foram habilitadas para participar do leilão, incluindo empresas estatais e privadas estrangeiras e as brasileiras Petrobras e Enauta Energia.

Fonte: Agência Brasil

LEM: Individuo morre em confronto com a CIPE Cerrado e menor é apreendido dentro de casa

e59015c4-1658-4a81-b565-06b60fa21a12

Por volta das 13h00, após denuncia anônima de que indivíduos envolvidos no homicídio de uma senhora na semana passada estariam reunidos em uma residência no bairro Santa Cruz, guarnições da CIPE CERRADO deslocaram até o local e, logo na entrada da residência, enquanto um dos indivíduos estava saindo, foi dada voz de abordagem, momento em que um outro indivíduo que estava dentro da residência começou a fugir pelo telhado, de imediato uma das guarnições deslocou até a outra rua para fazer o cerco e conter o marginal, foi quando um morador sinalizou para os policiais que o indivíduo havia invadido o quintal da casa dele. De posse das informações, a guarnição da CIPE CERRADO, ao se aproximar do local indicado, foi recebida por disparos de arma de fogo, necessitando se abrigar e revidar a injusta agressão. Cessados os disparos o resistente se encontrava caído ao solo e ao seu lado um revólver calibre 38 de numeração suprimida. Ainda aparentando ter sinais vitais, o indivíduo foi socorrido para UPA, contudo não resistiu aos ferimentos. Na casa onde estava o outro indivíduo, em cima da geladeira, foram encontrados 18 sacos pequenos contendo diversas pedras de crack em cada um, além de uma balança de precisão. O indivíduo que ficou na casa recebeu voz de prisão e foi encaminhado junto com os ilícitos para Delegacia de Polícia da cidade.
RESISTENTE

E S S, de 19 anos, natural de Tapiramutá – BA.

INDIVÍDUO PRESO

E S P, de 17 anos, vulgo Índio, natural de Irecê – BA.

MATERIAL APRESENTADO

01 (um) revólver calibre .38, marca TAURUS, de numeração suprimida;

02 (duas) munições calibre 38 intactas;

04 (quatro) munições calibre 38 deflagradas;

18 (dezoito) sacos plástico contendo diversos papelotes de uma substância análoga ao crack;

01 (uma) balança de precisão.
Fonte: CIPE CERRADO