Janeiro Branco: Prefeitura de Barreiras e 84ª CIPM se unem pela prevenção às doenças mentais

CAPA

DSC_0908

DSC_0905

Cerca de 50 integrantes da 84ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), vinculada ao Comando de Policiamento Regional do Oeste (CPRO), participaram durante toda a manhã de terça-feira (28) de um ciclo de palestras que alertou para os cuidados e a prevenção às doenças mentais. O evento, resultado da parceria entre o comando da 84ª CIPM e o Centro de Referência Regional em Saúde do Trabalhador (Cerest), de Barreiras, integra a Campanha Janeiro Branco que faz um convite às pessoas para falar e pensar estratégias de melhor cuidar da Saúde Mental.

Ao abordar o tema “Saúde Mental nas Relações de Trabalho” a coordenadora do Cerest, Janaína de Oliveira fez uma explanação das diversas patologias associadas ao trabalho e destacou a dificuldade dos profissionais de saúde no diagnóstico das doenças mentais. Outro assunto que chamou atenção dos presentes foi o que diz respeito a taxa de suicídio entre policiais. Uma questão, segundo a palestrante, que está intimamente ligada a saúde mental destes profissionais.

“É importante que cada policial faça uma avaliação pessoal de como está conduzindo as cobranças diárias a que está sujeito, e até onde quer e pode chegar. Muitas vezes, clinicamente ele está bem, porém, é imprescindível entender que o adoecimento não está no físico, daí a importância de um acompanhamento com profissionais que possam dar um diagnóstico e conduzi-lo ao tratamento seguro. O autoconhecimento é o primeiro passo para evitar consequências maiores e mais graves, como o suicídio”, disse.

E autoconhecimento foi a proposta das palestras que contaram ainda com as falas da coordenadora de saúde mental de Barreiras, Valdenice Santos e do terapeuta integrativo, Renilson Freitas Junior. Um evento, segundo o comando da 84ª CIPM, fundamental para os integrantes da Companhia e que terá sequência, com outras ações em parceria com a Prefeitura de Barreiras e suas diferentes secretarias. (mais…)

Fiscalização da ADAB em fazenda detecta 6 mil litros de agrotóxicos vencidos

158015490627_01_20_Agrotoxicos_vencidos_DENTRO_1-ed
Após conseguir suspender os efeitos da liminar que garantia o plantio de soja durante o período do vazio sanitário em uma propriedade de Jaborandi, oeste do estado, a ADAB (Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia) enviou uma equipe ao local para vistoriar as ações de plantio e manejo. Durante dois dias de trabalho, os fiscais acompanhados de policiais militares da Rondesp, identificaram irregularidades, a exemplo do armazenamento de 6 mil litros de agrotóxicos vencidos, além de produtos guardados sem ventilação adequada.

27_01_20_Agrotoxicos_vencidos_DENTRO_3__1A fiscalização da agência concluiu que os donos da fazenda deverão fazer rápidas adequações para o correto armazenamento de produtos, evitando sobrecarga nas prateleiras e ventilação insuficiente no depósito.

“Com a suspensão da liminar que impedia as ações fiscalizatórias da ADAB, a agência retomou sua capacidade de executar a política de defesa sanitária vegetal e após a detecção de inconformidades no armazenamento de agrotóxicos, concluímos que existe a necessidade de fiscalizações periódicas”, reforça o diretor-geral da ADAB, Maurício Bacelar.

158015486727_01_20_Agrotoxicos_vencidos_FORAUm dado positivo que consta do relatório dos fiscais é que a fazenda atendeu aos requisitos técnicos legais quanto à lavagem dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e depósito e manejo do recebimento de embalagens vazias de agrotóxicos.

Fonte: Odestaque/ASCOM – ADAB

Prefeitura de São Desidério irá construir Unidade Básica de Saúde na comunidade de Canabravão

1

2A saúde sempre foi prioridade para a administração pública de São Desidério e para assegurar a oferta de serviços básicos de saúde, a prefeitura iniciou o trabalho de construção de mais uma Unidade Básica de Saúde (UBS) na zona rural do município. Desta vez na comunidade de Canabravão.

O local onde será construída a unidade já recebeu os serviços de limpeza, para em breve iniciar a obra. A UBS contará com uma estrutura com mais de 360 m² de construção com recepção/atendimento, consultório médico, consultório odontológico, sala de observação, sala de vacina, sala de esterilização, farmácia, sala de expurgo, sala de administração, sala de atividades coletivas, copa/cozinha, almoxarifado, garagem coberta, sanitários masculino e feminino adaptados para portadores de necessidades especiais e dormitório para o motorista plantonista da ambulância.

Além dos moradores de Canabravão, a Unidade de Saúde atenderá a população de Peri Peri, Vereda, Curral Novo, Sucupira, Porto Alegre, Nado, João Rodrigues e dará suporte à Unidade do povoado de Beleza. “Essas Unidades levam mais facilidade no acesso aos serviços da Atenção Básica que é um direito da população, atendimento médico, dentista, vacinação, acompanhamento de pré-natal e outros serviços mais próximos do povo”, comenta a coordenadora da Atenção Básica, Tatiane Rodrigues.

Outras três Unidades Básicas de Saúde já foram concluídas nas localidades de Beleza, Mutamba e Palmeiral e em breve serão entregues à população das comunidades.

Fonte: Prefeitura de São Desidério

Dispensa de alvará beneficiará 10,3 milhões de empresas de baixo risco

rvrsa_abr_151019792

A dispensa total de licenças e alvarás de funcionamento para 289 tipos de atividades econômicas de baixo risco beneficiará 10,3 milhões de empresas no país, disse hoje (28) o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Paulo Uebel. Isso equivale a 58% do total de 17,73 milhões de empresas em funcionamento no país.

O secretário apresentou a estimativa durante o lançamento da medida para representantes do setor privado e de entidades de micro e pequenas empresas. Segundo Uebel, o fim da exigência impulsionará o ambiente de negócios no país e permitirá ao governo concentrar a fiscalização nas atividades de médio e alto risco.

Prevista na Lei de Liberdade Econômica, a medida está em vigor desde 16 de dezembro. Entre os tipos de empreendimentos beneficiados estão bares, borracharias e padarias, fábricas de alimentos artesanais, de calçados, acessórios e vestuário, atacados e varejos.

Com as novas regras, toda empresa de baixo risco aberta no país poderá exercer a atividade imediatamente após o recebimento do Cadastro Nacional Pessoa Jurídica (CNPJ). No entanto, caso a legislação do estado e do município seja diferente da lista de segmentos de baixo risco do Ministério da Economia, prevalecem as normas locais. As prefeituras e os governos estaduais, no entanto, precisam encaminhar as regras ao governo federal para que as exigências locais tenham validade.

A classificação de risco – baixo, médio ou alto – contempla aspectos como prevenção contra incêndio e pânico, segurança sanitária e ambiental. Todas as atividades consideradas de baixo risco e que dispensam o pagamento de licenças e alvarás estão listadas na Resolução nº 51 do Comitê para Gestão da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios.

O sistema desenvolvido verifica a listagem das atividades econômicas inseridas pelo empreendedor que são dispensadas de licença e alvará, nos termos da resolução ou das normas estaduais e municipais encaminhadas ao Ministério da Economia. A dispensa é informada no cartão do CNPJ, depois de o sistema, com o conhecimento do usuário, classificar a atividade como de baixo risco.

Na regra antiga, as empresas registravam e recebiam o cartão do CNPJ e ficavam sujeitas a análises posteriores dos municípios e dos órgãos de licenciamento, com a cobrança de taxas. Somente após as análises, o empreendimento era classificado e somente então poderia exercer a atividade, caso fosse considerado de baixo risco. O modelo, na prática, atrasava a abertura de negócios.

Fonte: Odestaque/Agência Brasil

Polícia Civil, Polícia Militar, Ministério Público e Vigilância Sanitária, participam de incineração de mais de 500 kg de maconha e 15 kg de pasta base de cocaína

5a20e5c9-6728-4e7e-8606-8fe8ec51e012

7b1d9f45-a6f0-4ad7-9b00-1acbe23774e8

52f6ba58-46a4-4cbe-bff8-d127f229ca64

Operação realizada no dia de hoje (28), comandada pelo delegado Carlos Ferro juntamente com outros órgãos, realizam a incineração de substância entorpecente apreendidas no município de São Desidério

As substâncias entorpecentes encontravam-se estocadas no depósito no complexo policial de Barreiras, e após autorização judicial e colaboração de uma empresa privada,serão incineradas.

Fonte:Odestaque/Policia Civil

PRF flagra caminhoneiro com revólver e comprimidos de “rebite” na BR-242 em Barreiras

Um caminhoneiro foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na madrugada de hoje (27), por porte ilegal de arma de fogo e mais porte de droga para consumo. O flagrante ocorreu durante fiscalização de combate a criminalidade no Km 800 da BR – 242, em Barreiras (BA).

Era por volta das 04h, quando agentes da PRF abordaram a carreta Volvo/FH 540 tracionando mais três semi-reboque. Durante a abordagem o motorista apresentou sinais de nervosismo e confessou que trazia consigo comprimidos de Nobésio (anfetamina).

Os policiais decidiram fazer uma fiscalização minuciosa no caminhão e durante busca ao interior da cabine, eles encontraram um revólver Rossi 38 e mais 06 munições do mesmo calibre. Os agentes também fizeram a apreensão de 06 comprimidos de “rebite”.

O conjunto transitava na rodovia com mais de 50.000 quilos de excesso de peso. O excesso verificado gerou uma multa de natureza gravíssima, referente a infração de trânsito prevista no art. 231, inciso V do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). O conjunto só será liberado após transbordo da quantidade excedente.

Nunca é demais ressaltar que o excesso de peso sobrecarrega os sistemas de suspensão e freios, oferecendo riscos ao motorista e aos usuários da rodovia, e ainda danifica o pavimento asfáltico.

Aos policiais, o condutor de 36 anos, disse que carrega o revólver para a defesa pessoal, porém não tem o documento autorizativo de porte do armamento. Informou ainda que comprou a arma há cerca de 4 meses por 5.000 reais. Sobre a anfetamina confirmou ter feito uso do rebite que é utilizada pelos motoristas para dirigir por mais tempo na estrada.

Diante dos fatos, o motorista profissional e natural de Itabaiana (SE), foi preso e encaminhado com o material apreendido à Delegacia de Polícia Civil (PC).

Fonte: PRF/ Odestaque/ Alô Alô Salomão

Chuva forte deixa ruas alagadas em Barra

Chuva forte deixa ruas alagadas em Barra, no oeste da Bahia — Foto: Arquivo Pessoal

A chuva forte que caiu no fim de semana, na cidade de Barra, no oeste da Bahia, causou alagamento nas ruas do município. De acordo com a prefeitura, não houve feridos.

Os locais mais críticos, segundo a prefeitura, foram nos bairros Sagrada Família, Avenida Rui Barbosa, Avenida Getúlio Vargas, Residência Rio Grande e alguns trechos de ruas próximas ao dique de proteção da cidade.

De sábado (25) até esta segunda-feira (27), o volume de chuva atingiu 68,2 mm. O acumulado do mês já supera 268 mm na cidade, que tinha uma média histórica de 98 mm para o mês de janeiro.

Por meio de nota, a prefeitura informou que, por volta das 10h desta segunda, a Defesa Civil não tinha registrado desabrigados, nem a necessidade da retirada de moradores das áreas de risco.

O órgão municipal disse ainda, que a cidade de Barra (região dos Baixões e Pé de Serra) está em situação de emergência por causa da grande estiagem que atingiu o município em 2019. Cerca de 5 mil pessoas são abastecidas diariamente com a operação pipa municipal e também com a operação pipa do Exército.

A Defesa Civil recomenda que, em caso de temporais e chuvas fortes, os moradores não saiam de casa por causa da incidência de raios. Deve-se evitar ficar na água do local alagado para evitar a contaminação por leptospirose. E, caso estejam dirigindo, parem e estacionem seus veículos até a chuva diminuir e melhorar a visibilidade.

Além disso, em caso de risco de desabamento ou de grande alagamento do imóvel, deve abandoná-lo imediatamente, buscar local seguro e acionar a Defesa Civil Municipal através do telefone 74.3662-2101 ou pelo celular do Diretor da Defesa Civil 74.98822-7915.

Fonte: Odestaque/ G1

Barreiras: Carreta carregada de fertilizantes tomba na BR 135

tumblr_da8ce52e09b4b5576b91899651760dab_25296233_1280

Na noite de ontem, quinta-feira, 23, por das 22h, o motorista de um carreta carregada de fertilizante tombou na BR 135, nas proximidades do distrito industrial de Barreiras.

Segundo informações, o motorista seguia sentido Piauí, quando em vez de entrar a esquerda na rotatória, nas imediações do Arboreto II, acabou passando reto e entrando sentido distrito industrial. O motorista ao perceber que errou o caminho, voltou de ré com a carreta, mas não percebeu o barranco. A carreta acabou se desgovernando e tombando.

O motorista nada sofreu e na manhã de hoje a carreta continuava no local aguardando uma empresa de guincho para realizar a remoção.

Fonte: Odestaque/ Blog Sigi Vilares